Bebeto Galvão – Uma História de Força e Trabalho

02 de maio de 2014
Fonte: Assessoria de Comunicação Sintepav Bahia

Em homenagem ao Dia dos Trabalhadores, o Sintepav Bahia homenageia toda a categoria com o exemplo de força e trabalho, demonstrado através da biografia do presidente do sindicato, Bebeto Galvão.

Bebeto Galvão exemplo de luta e trabalho

Nascido em 1962, Bebeto repete em sua vida a história de muitos brasileiros. Iniciou os estudos na escola pública, onde concluiu o ensino médio. Indignado com a qualidade do ensino, tornou-se líder estudantil na década de 80. Começou a trabalhar muito jovem, nas Indústrias beneficiadoras de cacau, no Sul da Bahia. Inconformado com a exploração da mão-de-obra pelas empresas, organizou o sindicato dos trabalhadores, garantindo proteção e direitos para a categoria. Mesmo cumprindo longa jornada e atuando no movimento sindical, não se descuidou dos estudos. Ingressou na Universidade Estadual de Santo Cruz (Uesc), onde estudou História.

Lídice, Bebeto e Pinheiro

Paulinho e Bebeto na reunião da Direção Nacional na Praia Grande - SP

Vislumbrando mais espaço de democracia, para fortalecer a participação da sociedade nas esferas de governo, Bebeto, foi eleito o mais jovem vereador na cidade de Ilhéus, tendo recebido vários prêmios por sua atuação. Regado de emoção ao poder defender  as  suas  raízes e a comunidade  que o espelhava, Bebeto arregaçou  as  mangas e foi à luta. Promoveu mudanças no imaginário e na consciência da população. Também foi assessor de Relações Instituições da Secretaria de Governo de Ilhéus.

Atualmente Bebeto Galvão é presidente do Sintepav Bahia, secretário de Políticas Raciais Étnicas da Força Sindical e foi eleito vice-presidente regional da ICM para América Latina e Caribe.

Carlos Luppi e Bebeto

A história desse grande batalhador se confunde com o compromisso de apoiar as lutas de um povo sofrido, mas que se orgulha do seu trabalho. A sua luta não ficou apenas em Ilhéus, chegou à Salvador e se espalha por todo o Estado da Bahia. Nomes e lideranças da política baiana e do Brasil, reconhecem a brilhante trajetória de esforço do homem que já foi preso por defender os ideais da classe que ergue o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *