Reunião debate importância do processo de ampliação das Filiações

04 de julho de 2018

Fonte: Assessoria de Comunicação Sintepav Bahia

Dirigentes e assessores sindicais debatem filiações

Os diretores e assessores sindicais do Sintepav BA, realizaram na tarde de ontem (04), na Sede do sindicato em Salvador uma reunião sobre a importância do processo de ampliação das filiações dos trabalhadores para o fortalecimento do movimento sindical. A intensificação do processo de filiação é necessária diante de um cenário em que vigora a Nova Lei Trabalhista que entre outros pontos, modificou a forma de arrecadação da taxa assistencial dos sindicatos.

De acordo com o presidente do Sintepav BA, Irailson Warneaux (Gazo), é necessário que as diversas categorias estejam unidas com o objetivo de fortalecer as suas entidades sindicais para garantir conquistas históricas e que podem ser retiradas pelo patronal, através do enfraquecimento dos sindicatos que sem aporte financeiro não conseguirão manter o mesmo trabalho de luta pelos direitos dos trabalhadores. “Os sindicatos são os grandes responsáveis pelo avanço nos direitos dos trabalhadores e é necessário que as diversas categorias intensifiquem o processo de filiação e fortaleçam os sindicatos que além dos trabalhadores, são as entidades que contribuem também com os demais movimentos sociais, a exemplo de associações de moradores, movimentos culturais e de luta pela igualdade”, destaca Gazo.

O cenário interno do processo de organização das filiações aponta para um quadro de extrema atenção, e perfaz um déficit que negativa a arrecadação do SINTEPAV BAHIA , o que impacta na manuntenção, bem como na continuidade do nosso maior objetivo que é manter uma entidade forte para garantir as conquistas e a defesa dos trabalhadores que representamos. Hoje temos uma base de aproximadamente 14.000 trabalhadores, e até o dia 21.06.2018, o nosso Setor Financeiro tabulou nos seus registros internos apenas quase 4.800 filiações.

Vivemos nos últimos tempos num contexto de extrema necessidade no que tange ao desenvolvimento de uma prática coorporativa mais robusta, acertada, com um grau de organicidade maior, e mais capacidade de entender que precisamos nos adequar a algumas demandas impostas pela Nova Lei Trabalhista (Lei nº 13467), principalmente com relação aos aspectos de arrecadação da Taxa Assistencial.

É vital e estruturante para o SINTEPAV BAHIA, que nos organizemos no sentido de realmente intensificar o processo de filiação para que nossa Entidade consiga manter a mesma capilaridade política e organizativa construída ao longo dos anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *