Enfermeira do Couto Maia, de 53 anos, é primeira baiana imunizada com a CoronaVac

STF forma maioria para permitir que estados e municípios comprem vacinas
SSST do Sintepav BA realiza visita técnica no alojamento da empresa WMK Construtor
Proposta cria renda permanente de R$ 600 para pessoas em situação de vulnerabilidade

19 de janeiro de 2021
Fonte: A Tarde

 

Enfermeira Maria Angélica é a primeira baiana a ser imunizada contra a Covid-19 Foto: Shirley Stolze | Ag. A TARDE

 

A enfermeira e servidora do Instituto Couto Maia, Maria Angélica de Carvalho Sobrinha, de 53 anos foi a primeira baiana imunizada com a CoronaVac, imunizante contra a Covid-19. Enfermeira intensivista do Hospital Couto Maia, ela recebeu a primeira dose em solenidade realizada, na manhã desta terça-feira, 19, na sede das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid), no Largo de Roma, em Salvador. O evento marcou o início da campanha de vacinação contra o novo coronavírus na capital baiana.

Em seguida, a idosa Lícia Pereira Santos, de 83 anos, moradora, desde 2014, do Centro de Geriatria das Obras Sociais de Irmã Dulce, o médico socorrista do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), Uenderson Barbosa, e Deisiane Tuxá, representante indígena, também receberam a primeira dose da vacina.

O governador Rui Costa (PT) e o prefeito da capital baiana, Bruno Reis (DEM), acompanharam o registro histórico.

 

 

 

COMMENTS